A Globo decidiu suspender as gravações da série Shippados, que seria exibida no Globo Play e a decisão foi após um eletricista da equipe ser assassinado. O nome do funcionário é Francis Ferreira de Souza e ele levou um tiro quando estava chegando em sua residência, em Maricá.

Francis estava acompanhado de Carlos Niedson Faria Adell, o maquinista da equipe e este foi ferido na perna e levado para um hospital no Rio de Janeiro. A Globo divulgou uma nota informando que o ocorrido já está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios de São Gonçalo.

Shippados é uma série que conta com grandes nomes do humor, entre eles: Tatá Werneck e Eduardo Sterblitch e é da autoria de Fernanda Young.

Comunicado da Globo sobre morte de funcionário

As gravações da série Shippados em Maricá foram suspensas hoje em função da morte do funcionário Francis Ferreira de Souza, eletricista da equipe, ontem à noite“, diz o comunicado emitido pela emissora, informando que a vítima estava chegando de um jantar e que o maquinista foi ferido na perna.

A Polícia Civil já ouviu o amigo da vítima e informou que os dois teriam sido abordados por alguns homens armados que estavam dentro de um carro. A perícia já esteve no local e algumas diligências tentam conseguir imagens das câmeras de segurança próximas onde tudo aconteceu.

A produção escrita por Fernanda Young e Alexandre Machado, está prevista para ser lançada no primeiro semestre de 2019 e a Globo ainda não informou se haverá atrasos para o lançamento ou se manterá o cronograma.

Sobre Shippados, Tatá Werneck chegou a dizer que é uma série de ‘anti-heróis, de pessoas fracassadas’. Tatá interpreta uma funcionária de um supermercado que procura por um namorado através de um aplicativo de relacionamentos e conhece Enzo, personagem de Eduardo Sterblitch.