Notícias

Caso Flordelis: filho da pastora se irrita com pergunta sobre suposta atração de filha adotiva em entrevista na Record

A deputada Flordelis no Camera Record, foi questionada sobre vários assuntos e sobre uma possível traição, que deixou um de seus filhos nervoso durante a entrevista.

PUBLICIDADE

A deputada Flordelis participou neste final de semana, de uma entrevista no programa Câmera Record, quando foi questionada sobre as duas linhas de investigação envolvendo a morte de Anderson do Carmo, seu marido e pastor . 

 

A deputada federal, têm ao todo 55 filhos, sendo 51 deles adotados, com vários sem passar por um processo de adoção legal.

Flordelis revela detalhes do relacionamento entre os filhos presos e pastor Anderson

Entrevista Caso Flordelis Anderson do Carmo. Foto/Reprodução

Ela disse acreditar na inocência dos seus filhos, que estariam dentro da casa com ela. O filho Lucas não residia mais na casa com o casal.

Já Flávio dos Santos Rodrigues, seu filho biológico, 38 anos, segue preso sendo apontado como o responsável pelos disparos que mataram Anderson, prisão também por conta de uma denúncia de violência doméstica. Porém, segundo relato de Flordelis, eles mantinham um bom relacionamento.

Entrevista fica tensa após pergunta sobre filhas adotivas do casal

Na primeira pergunta, Domingos Meirelles questiona se o filho Flávio, um dos suspeitos, estaria apaixonado por uma das irmãs adotivas. Flordelis negou que fosse verdade.

O jornalista em seguida, pergunta sobre uma possível atração de uma das filhas que viviam na casa pelo pastor. Momento em que outro filho, nervoso, interrompe a entrevista.

Filho da pastora Flordelis interrompe a entrevista no Câmera Record

Veja o vídeo do momento:

“Flávio estava casado, houve uma briga com a esposa, um desentendimento, voltou para casa, me obedecia, me respeitava (…) Esse tempo todo, eles [Flávio e o pastor Anderson] estavam muito bem”, contou.

Já a relação entre o filho adotivo do casal Lucas dos Santos de 18 anos, com pastor, era mais conturbada, pois o rapaz teria apanhado por roubar um dos seus irmãos.

“A única coisa que o meu marido tinha era com o Lucas, mas era coisa de pai, que ele não aceitava o meu filho ter saído de casa e tá vivendo, fazendo algumas coisas erradas”, relatou Flordelis.

Ela ainda diz que confia nos filhos que estavam com ela no dia do assassinato, inclusive Flávio, que segundo o relato, teria tentado socorrer o pastor. Imagens de uma das câmeras de segurança da rua mostraram Lucas chegando no local pouco antes do crime, mas teria saído antes de acontecer o assassinato.

“Sinceramente, eu não sei. Eu sei que há um mistério. Todas as pessoas que estavam morando comigo naquele momento sim, os que estavam morando comigo sim.”

As investigações continuam, e, a missionária esclareceu algumas hipóteses levantadas para a motivação do crime, mas nega houver suspeita de traição por parte do pastor, e não acredita que estivesse sendo traída.

“Isso eu falo com o maior orgulho da minha vida. Homem quando está pulando cerca é visível gente, ele muda”, afirmou.

Contudo, Flordelis não conseguiu ainda dizer a quem interessaria tirar a vida do pastor Anderson do Carmo.