Notícias

Mala de dinheiro achada no porão da casa de João de Deus tinha valor assustador

PUBLICIDADE

A polícia de Goias não tem noção das surpresas que ainda pode ter durante a investigação que corre por conta das denuncias de abuso sexual feitas contra o médium João de Deus. Nesta sexta-feira, 21, em incursão a casa do curandeiro, a investigação descobriu uma passagem secreta que dava acesso a um cômodo de 3 m², onde encontrou dinheiro em uma mala, além de pedras preciosas e medicamentos.

Mala com dinheiro, pedras preciosas e dólares no porão da casa de João de Deus

Segundo informou a G1 Goias, o valor do montante escondido no porão em uma mala é de R$ 1.2 milhão de reais. Também foram apreendidos Dólares de Euros. As pedras preciosas, identificadas previamente como esmeraldas não tiveram o valor aferido, tendo ainda, junto com os medicamentos apreendidos, passar por perícia técnica para identificação e avaliação.

Esmeraldas encontradas no porão da casa de João de Deus fornecida pela Polícia Civil de GO - Foto/Reprodução
Esmeraldas encontradas no porão da casa de João de Deus fornecida pela Polícia Civil de GO – Foto/Reprodução

João de Deus está preso por suspeita de crimes sexuais e também por posse ilegal de arma, encontradas na primeira busca feita pela equipe que investiga do caso. A ação da polícia foi criticada pela defesa do acusado.

Médium já foi processado por contrabando

Junto com a mala com dinheiro encontrada no porão na de casa de João de Deus, que continha 1.2 milhão de reais, também foram apreendias esmeraldas, o valor até assusta, mas é apenas uma amostra do incalculável patrimônio do médium, que declarou em uma fala que não sabe quantos imóveis tem. Já em aplicações em bancos, o valor revelado até agora pela investigação de de cerca de R$ 35 milhões.

Segundo informou a corporação ao G1, a uma perícia complementar foi feita no local com apoio da Vigilância Sanitária e do Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO). A promotora que acompanha o caso, Dra Gabriella de Queiroz Clementino, deu detalhes dos mandados de busca e apreensão.

Já apreendemos documentos, pedras, a Polícia Científica acompanhou e produziu laudos complementares. A Vigilância Sanitária também acompanhou porque já tinha essa demanda porque havia comércio de medicamentos no local. Eles apreenderam alguns instrumentos cirúrgicos, mas ainda não temos um laudo”, afirmou.

João de Deus segue preso no Núcleo de Custódia, considerado prisão de segurança máxima. A unidade integra o Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital.

A defesa de João de Deus está tentando soltura do médium por meio de um pedido de habeas corpus junto ao Supremo Tribunal Federal (STF).