Notícias

Paulo Henrique Amorim morreu, Record confirma morte do apresentador e jornalista

Jornalista e apresentador da Record morreu vítima de um infarto no Rio de Janeiro.

PUBLICIDADE

O jornalista da Record Paulo Henrique Amorim morreu aos 76 anos. Segundo primeiras informações o jornalista criador do canal TV Afiada faleceu após sofrer um infarto fulminante.

Ele havia retornado de um jantar com amigos e estava em casa, no Rio de Janeiro, quando passou mal. A informação foi confirmada pela Record.

Paulo Henrique Amorim estava afastado do Domingo Fantástico da Record

Jornalista Paulo Henrique Amorim morreu de enfarte no Rio de Janeiro. Foto/Reprodução

Seu último emprego foi na TV Record, mas o apresentador estava fora do ar desde o mês de junho, quando foi afastado do programa Domingo Espetacular.

O jornalista morreu de enfarte na capital fluminense. Paulo Henrique Amorim tinha 76 anos, e também trabalhou em diversas redações, inclusive na Rede Globo. Paulo Henrique morreu na manhã desta quarta-feira (10).

PHA estava na Record TV desde 2003

O apresentador foi afastado do programa Domingo Espetacular, da mesma emissora, segundo jornais de esquerda, após pressão do governo Jair Bolsonaro.

Por isso, o mesmo teria entrado com uma ação na Comissão de Direitos Humanos da ONU para denunciar cerceamento à sua liberdade de expressão.

Paulo Henrique passou por várias emissoras

O apresentador e jornalista esteve em emissoras como TV Manchete, TV Globo e TV Bandeirantes, onde apresentou por anos o Jornal da Band, e TV Cultura.

No seu último vídeo em seu canal, PHA denunciou o uso político do futebol por Jair Bolsonaro. O jornalista deixa uma filha e a mulher, Geórgia Pinheiro.

Segundo a Revista Veja, Paulo morreu em casa, na manha desta terça, vítima de um enfarto. Seguimos no aguardo de maiores informações.