Notícias a toda hora!

Vídeo revela tiros e gritos em possível massacre neste domingo na Florida

Quatro pessoas teriam morrido e 11 foram feridas em um centro comercial, segundo o jornal local. a polícia pede que a população se mantenha longe da área.

Segundo a fonte BBC News Brasil, um atirador fez várias vítimas dutrante uma competição de videogame na Flórida. Informações vindas da polícia dos EUA dão conta de que várias pessoas foram mortas por um atirador  em Jacksonville, no Estado da Flórida, o ataque foi no recinto de um complexo de entretenimento, durante uma competição de vídeo game.

Ainda segundo a polícia do estado, muitas outras pessoas teriam saído feridas no ataque na Flórida.  A polícia pediu para que ninguém tente ir ao local do massacre

A mídia local informa que pelo menos quatro pessoas morreram e outras 11 foram feridas, mas ianda não há confirmação do número exato de vítimas. Um suspeito de ter cometido o ataque está morto, autoridades deverão fazer oficialmente um pronunciamento à imprensa por volta das 19h (horário de Brasília).

Muitas outras pessoas teriam ficado feridas, e foi pedido que ninguém vá para o local. Um suspeito está morto.

PUBLICIDADE

No Twitter, alertas foram dados sobre o ataque na Florida.
No Twitter, alertas foram dados sobre o ataque na Florida.

Relatos de pessoas que estavam próximas ao local deram conta de que o incidente ocorreu durante uma competição de videogame realizada em um restaurante no Jacksonville Landing, um grande centro comercial localizado no centro da cidade.

No Twitter, a conta do usuário Jax Sheriff’s Office alertou: “Tiroteio em Jacksonville. Fiquem longe da área. A área não está segura neste momento. Fiquem longe. #TheLandingMassShooting”.

A TV local News4Jax informou que ambulâncias e bombeiros se dirigiram para o local,a plícia bçoqueou ruas ao entorno de todo o centro de Jacksonville.

Segundo o jornal americano Los Angeles Times, um dos jogadores atirou após perder e depois se matou. Essas informações publicadas com base em mensagens de redes sociais não puderam ser confirmadas até o momento.

Drini Gjoka, um jogador de 19 anos, descreveu o incidente em uma série de postagens no Twitter e disse que se tratava do “pior dia de sua vida”. “Tenho muita sorte. Uma bala atingiu meu dedão”, ele publicou.

 

Carregando...