Notícias a toda hora!

Ciro Gomes quer anular candidatura de Bolsonaro e disputar segundo turno

Ex-candidato à presidência pelo PDT, agora quer novo segundo turno, entre ele e Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores (PT).

Ciro Gomes, do PDT,  pretende apoiar a ação de Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores (PT), na tentativa de impugnar a candidatura de Jair Bolsonaro à presidência da república. A ideia de ambos os políticos – da bandeira de esquerda – é disputarem um com o outro o segundo turno das eleições presidenciais, que continuam marcadas para o dia 28 de outubro.

A equipe jurídica do PDT estuda um modelo a ser apresentado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ciro Gomes, caso consiga o feito (o que é bastante improvável), mostraria ser o candidato anti-petista, mesmo após dar “apoio crítico” a Fernando Haddad no segundo turno.

No ‘tapetão’ das eleições, Fernando Haddad e Ciro Gomes se unem para tentar barrar Bolsonaro

O pedido da anulação das eleições terá como base a matéria do jornal Folha de São Paulo publicada nessa quinta-feira, 18 de outubro, na qual aliados de Bolsonaro são acusados de fazerem campanha para ele no WhatsApp. Sem mostrar provas, o jornal garante que foram gastos R$ 12 milhões na campanha de Bolsonaro apenas com WhatsApp.

PUBLICIDADE

O PT e Ciro Gomes chamam essa iniciativa de “caixa dois”. De acordo com o jornalista Esmael Morais, inclusive, Fernando Haddad estaria estudando pedir a prisão preventiva de Bolsonaro, sob a acusação de que ele teria cometido crime em flagrante. Em sua defesa, o deputado federal Jair Bolsonaro diz que não tem como controlar gastos de terceiros em sua campanha.

Ciro Gomes estuda entrar com processo para cancelar eleição de Bolsonaro contra Haddad - Foto/Montagem
Ciro Gomes estuda entrar com processo para cancelar eleição de Bolsonaro contra Haddad – Foto/Montagem

Ciro Gomes tem esperança de anular candidatura de Bolsonaro nas eleições 2018

O presidente do PDT, Carlos Lupi, confirmou à agência Reuters que a análise de como o processo de impugnação de Bolsonaro está sendo feita pela equipe jurídica do partido fundado por Leonel Brizola. Ele garante que, em breve, novos detalhes sobre a ação serão revelados.

Bolsonaro lidera as intenções de votos para o segundo turno da disputa presidencial com 59 por cento dos votos válidos, de acordo com a mais recente pesquisa Ibope, enquanto Haddad aparece com 41 por cento.

Lembrando sempre que você torcedor e que gosta de política pode assinar nosso noticiário e ter com exclusividade e de graça todo o melhor conteúdo do esporte. Para isso, basta clicar no ícone de sino, que está localizado no lado esquerdo inferior da tela do seu computador ou celular. Em seguida, basta autorizar o recebimento das mensagens. Pronto, você está conectado com o melhor da informação.

 

Carregando...