Vereador adenilson rocha tem projeto aprovado e pede construção de faixa de travessia elevada em Sinop

Vereador adenilson rocha tem projeto aprovado e pede construção de faixa de travessia elevada em Sinop
Foto/Divulgação

O projeto de lei, que propõe criar o Conselho Municipal de Esportes e aumentar a atividade de popular na área, voltou a pauta de discussões durante a 2ª sessão ordinária desta segunda-feira (26), realizada na Câmara do município de Sinop.

A matéria colocada em pauta, cujo projeto é de criação do vereador Adenilson Rocha que é do (PSDB), tramita na casa desde de 2017, e o projeto foi aceito em 2ª votação e contou com três votos contra ao projeto. Devendo ainda voltar a discussão, para a 3ª e também última votação, já para a próxima sessão da Câmara.

O vereador Adenilson, além do seu projeto ser aprovado, teve também uma Moção de Aplauso aceito pelos os vereadores, ocasião em que, mais duas indicações e também três requerimentos ganharam também o aval dos vereadores em exercício presentes no memento das votações.

A Moção de Aplauso em pauta, era destinada ao cidadão Rodrigo Paiva, que desenvolveu um sistema, que conquistou a 2ª colocação no evento Hackathon Visa, que busca soluções tecnológicas inovadoras para a empresa mundial de gerenciamento de cartões de crédito.

PUBLICIDADE

Já nos requerimentos, Adenilson pediu maiores detalhes sobre o mais novo sistema de administração e também gestão financeira, que foi implantado pela administração atual, e pediu também cópia do processo de licitação que foi usado para a contratação do novo sistema.

Por outro lado, ele também questionou sobre a legalidade do uso dos recursos do Fundo do Turismo o (Futur) para pagamentos de dividas de energia elétrica, com a transação do dinheiro do fundo (Futur) para as cofres da prefeitura de Sinop.

Ainda nas indicações, o vereador faz reivindicações para a a elaboração de uma nova faixa de travessia elevada, situada em frente da escola Tic-tac, e também a solicitação de uma placa de indicação, na entrada do condomínio das Chácaras Planalto, além de reivindicar uma cobertura para o ponto de ônibus que se localiza no bairro.